mswindows.org cheap office-professional-plus-2016 key parajumpers sale www.troilus.es anneshealinghands.nl canada goose jas parajumpers outlet

Novidades:

1959 Visualizações

A moda das tatuagens removíveis


As tatuagens removíveis, lançadas em edição limitada pela grife Christian Dior, eram feitas com micropartículas de ouro. Isso logo virou moda entre modelos e celebridades. Assim, a cantora norte-americana Beyoncé exibiu diversas vezes o seu corpo com muitas tatuagens reluzentes, como se fossem bijus; Sarah Jessica Parker, a eterna Carrie Bradshaw, um ícone fashion, apareceu em muitos eventos usando tatuagens douradas; no Brasil, Bruna Marquezine, para muitos a mulher mais sexy do nosso País em 2014, publicou no Instagram fotos suas com tatuagens metálicas, com o que acabou ditando moda para as adolescentes.

O problema é que essas tatuagens, ao contrário das pedras preciosas, não são para sempre, e para se tornarem populares tinham que ter preço menor. E isso acabou acontecendo, sendo que surgiram sites especializados que vendem a cartela a partir de R$ 40, e as tatuagens chegam a durar de quatro a seis dias, oferecendo um visual dourado e reluzente sob o sol, como se fosse uma joia pintada.

A dona do site Golden Tatoo, a economista Jeannie Miyazawa, começou a vender tatuagens douradas há mais de três meses, conseguindo fornecedores de diversos países (EUA, China, Índia etc.), vendo nelas não apenas uma boa alternativa para bijuterias, mas também como uma opção para quem tem medo de enjoar de pinturas permanentes. Ela comentou: “Esse tipo de tatuagem está preenchendo um espaço no mercado. Serve para quem quer enfeitar o corpo, mas não deseja nada definitivo. Por melhor que seja a tatuagem, ela perde pigmentação com o tempo e, além disso, os desenhos saem de moda.”

Você já viu alguém com tatuagem dourada removível? Comente!

Conteúdo produzido pela redação da revista Criática.

Publicado recentemente

»

Tendências da moda indicadas com o auxílio da inteligência artificial

No famoso filme O Diabo Veste Prada, a personagem Miranda Priestly ...

Livros - Direitos autorais
»

Não contem com o fim do livro!

Não Contem com o Fim do Livro é o titulo de uma obra escrita pelo ...

»

Os e-sports podem um dia ser incluídos nos Jogos Olímpicos?

Temos hoje muitos campeonatos de games, como os de Counter Strike (de ...

»

A Lego tem agora uma “casa de brinquedo”

O parque temático Legoland, que é o carro-chefe do grupo Lego, ...

»

Turistas desejam vivenciar experiências cada vez mais inusitadas

Inicialmente, deve-se destacar que o turismo-indústria representa ...

»

Disney compra Fox para enfrentar a Netflix e a Amazon

No final de 2017, a Walt Disney & Co adquiriu o conglomerado 21st ...

»

Cidades Paulistas Inspiradoras – O Desenvolvimento Estimulado Pela Economia Criativa

A DVS Editora acaba de lançar os livros “Cidades Paulistas ...

»

Dear Basketball – o curta-metragem que deu um Oscar a Kobe Bryant

Kobe Bryant, que recentemente se aposentou, resolveu fazer um filme ...

»

Tudo indica que os filmes humorísticos brasileiros não atraem grandes públicos

Diversas pesquisas indicam que cerca de 85% dos homens adultos adoram ...