mswindows.org cheap office-professional-plus-2016 key parajumpers sale www.troilus.es anneshealinghands.nl canada goose jas parajumpers outlet

Novidades:

1349 Visualizações

O mineiro que comanda a linha mais sofisticada da Calvin Klein


Nesta últimas três décadas, o mineiro Francisco Costa passou cinco anos trabalhando para Oscar de la Renta, quatro anos para Gucci. Nesses últimos 11 anos, é o diretor da linha feminina da Calvin Klein Collection. Como se nota, ocupou três cargos de muito prestígio no mundo da moda.

E é agora, na Calvin Klein, que ele conquistou muita projeção, sendo considerado um dos maiores estilistas dos Estados Unidos da América (EUA), tendo já recebido duas vezes o prêmio do Council of Fashion Designers of America (CFDA), uma espécie de Oscar da moda.

O estilista mineiro Francisco Costa – foto acima – está fazendo muito sucesso na Calvin Klein.

Atualmente, Francisco Costa está preparando uma reestruturação total da linha que produz para atender um consumidor ávido por novidade (e agilidade). A partir de 2015, a Calvin Klein Collection vai passar a fazer 12 entregas anuais às suas lojas – antes, eram feitas apenas duas entregas após os lançamentos.

Comentou Francisco Costa: “Em outras palavras, todo aquele que for a uma de nossas lojas encontrará muito mais variedade. Atualmente, a atenção dispensada a um produto é muito mais rápida. Você tem que produzir muito mais rapidamente. Antigamente, as pessoas tinham uma responsabilidade, sentiam como se estivessem selecionando: ‘Vou comprar da Calvin Klein’. Hoje em dia, isso é bem diferente: as pessoas lidam com marcas e moda em geral de outra forma.

Num evento da Calvin Klein, a partir da esquerda, a designer Jean Shin, Francisco Costa, Tom Murry e o estilista Italo Zucchelli.

Num evento da Calvin Klein, a partir da esquerda, a designer Jean Shin, Francisco Costa, Tom Murry e o estilista Italo Zucchelli.

Hoje, o cliente é menos leal a uma marca porque tudo é muito mais fácil, tudo é tão disponível e há muito mais oferta que a demanda. Você agora tem que se movimentar com o seu tempo, na velocidade da realidade, para o mercado de coleção, isso é novo, porque você lida com tecidos mais caros, o tempo de entrega é muito mais longo, a roupa é mais específica, mais trabalhada. Mas criar rapidamente funciona para mim. Produzir é o mais desafiador. Nós já assumimos essa postura de nos movermos tão rapidamente quanto pudermos. Agir assim dá ao cliente a oportunidade de ter o produto muito rapidamente. Isso também cria um nível de energia muito bom para a nossa marca.”

Bem, não se pode esquecer que a linha de luxo do Francisco Costa gera algo como US$ 400 milhões por ano para a empresa.

Engenheiro, mestre em estatística, professor, autor de dezenas de livros, gestor educacional, palestrante e consultor. Editor chefe da Revista Criática.

Publicado recentemente

»

Os e-sports podem um dia ser incluídos nos Jogos Olímpicos?

Temos hoje muitos campeonatos de games, como os de Counter Strike (de ...

»

A Lego tem agora uma “casa de brinquedo”

O parque temático Legoland, que é o carro-chefe do grupo Lego, ...

»

Turistas desejam vivenciar experiências cada vez mais inusitadas

Inicialmente, deve-se destacar que o turismo-indústria representa ...

»

Disney compra Fox para enfrentar a Netflix e a Amazon

No final de 2017, a Walt Disney & Co adquiriu o conglomerado 21st ...

»

Cidades Paulistas Inspiradoras – O Desenvolvimento Estimulado Pela Economia Criativa

A DVS Editora acaba de lançar os livros “Cidades Paulistas ...

»

Dear Basketball – o curta-metragem que deu um Oscar a Kobe Bryant

Kobe Bryant, que recentemente se aposentou, resolveu fazer um filme ...

»

Tudo indica que os filmes humorísticos brasileiros não atraem grandes públicos

Diversas pesquisas indicam que cerca de 85% dos homens adultos adoram ...

»

O projeto de Ferran Adrià: Bullipedia

O chef Ferran Adrià, do icônico restaurante El Bulli, que fechou em ...

»

Um estádio altera de forma significativa o plano urbanístico de uma cidade

Em 4 de fevereiro de 2018 aconteceu na cidade de Minneapolis, no ...