mswindows.org cheap office-professional-plus-2016 key parajumpers sale www.troilus.es anneshealinghands.nl canada goose jas parajumpers outlet

Novidades:

1376 Visualizações

Poraquê captura suas presas por meio da eletricidade!


Típico da bacia do rio Amazonas, o poraquê (Electrophorus electricus), também conhecido como peixe-elétrico, usa descargas de alta voltagem para controlar remotamente os músculos de suas presas.

Aliás, o poraquê pode produzir uma descarga de até 600 volts, suficiente para matar um cavalo adulto. Até agora, no entanto, a ciência ignorava como funcionava de fato o sistema elétrico desse peixe.

Com uma série de experimentos, o pesquisador Kenneth Catania, da Universidade Vanderbilt dos Estados Unidos da América (EUA), mostrou que o poraquê pode produzir diferentes tipos de descargas elétricas (o seu estudo foi publicado recentemente na renomada revista Science).

Algumas delas, de baixa voltagem, funcionam como sensores do ambiente para auxiliar na navegação, já que o peixe-elétrico enxerga mal.

Já as descargas de alta voltagem servem tanto para localizar a presa, quanto para incapacitar sua fuga.

Explicou Kenneth Catania: “O recurso utilizado pelo poraquê funciona de forma semelhante a um teaser – arma não letal que usa descargas de alta tensão para imobilização dos seres humanos.

É incrível a semelhança entre a descarga elétrica do peixe-elétrico e um teaser. A diferença é que o teaser emite 19 pulsos de alta voltagem por segundo, enquanto o peixe-elétrico produz 400.”

Além das descargas de baixa voltagem usadas para perceber o entorno, ele também produz curtas sequências de dois ou três pulsos de alta voltagem, que duram poucos milissegundos com a finalidade de ter uma caçada eficiente.

Com efeito, ao passar perto de um peixe oculto, os pulsos fazem a presa ter uma convulsão que denuncia sua posição – já que o poraquê é eficaz na detecção de movimentos.

Nesse momento, o poraquê lança uma descarga de alta voltagem, com duração de 10 a 15 milissegundos, que paralisa completamente a presa por três ou quatro milissegundos – o suficiente para ser abocanhada pelo rápido caçador elétrico.

Que maravilhosa é a natureza com tantos animais com características incríveis e que merecem ser muito mais estudados, pois os humanos poderão chegar a novas invenções a partir desses conhecimentos.

Publicado recentemente

»

A Lego fará suas peças com materiais sustentáveis

É no centro da cidade de Billund, na Dinamarca, que está localizado ...

»

O combate a fake news e a publicidade fake

Em 9 de agosto de 2018 o advogado e jornalista João Luiz Faria Netto ...

»

O retorno ao boom dos cruzeiros no Brasil

Tudo indica que os brasileiros terão uma ótima opção de turismo ...

»

Na China, o governo tem uma posição contraria aos jogos on-line!?!?

O governo chinês tem procurado controlar muita coisa que é ...

»

Os negócios do chef Jamie Oliver em declínio!?!?

Há quem aponte que a brilhante carreira do chef inglês Jamie Oliver ...

»

Será que toda cidade criativa é também uma cidade inteligente?

Há apenas poucas décadas, a mera tentativa de dotar um núcleo ...

»

Tendências da moda indicadas com o auxílio da inteligência artificial

No famoso filme O Diabo Veste Prada, a personagem Miranda Priestly ...

Livros - Direitos autorais
»

Não contem com o fim do livro!

Não Contem com o Fim do Livro é o titulo de uma obra escrita pelo ...

»

Os e-sports podem um dia ser incluídos nos Jogos Olímpicos?

Temos hoje muitos campeonatos de games, como os de Counter Strike (de ...